Com o novo coronavírus, a Organização Mundial da Saúde recomenda que as pessoas fiquem em casa. E nada como aproveitar o tempo livre para escolher o próximo destino! Os museus são perfeitos para conhecer mais sobre arte e cultura, e raramente ficam de fora dos roteiros de viagem. Enquanto não é possível viajar, a dica é mergulhar nas experiências online que vários deles oferecem.

Confira a lista que o Mag preparou, com 10 museus nacionais e internacionais para conhecer virtualmente, sem precisar sair de casa. 

Home - Slider 1

Museu de Arte de São Paulo (MASP)

Quem passa pela Avenida Paulista, uma das principais da cidade de São Paulo, se encanta com a arquitetura moderna e grandiosa do MASP. Fundado em 1947, o Museu de Arte de São Paulo Assis Chateaubriand (MASP) é o mais importante acervo de arte europeia do Hemisfério Sul. Ele abriga mais de 11 mil obras, entre elas pinturas, esculturas, objetos, fotografias e vídeos. Além disso, vestimentas européias, africanas, asiáticas e das Américas de diversos períodos compõem a exposição fixa.

Além de analisar cada detalhe das pinturas fixas e de algumas exposições, acompanhadas por textos que explicam a história da obra, é possível passear pelo museu através do tour virtual, clicando aqui

Museu de Imagem e Som (MIS)

O Museu de Imagem e Som, MIS, é um dos mais movimentados centros culturais da cidade de São Paulo. São cerca de 200 mil itens, que incluem fotografias, filmes, vídeos e cartazes. Além das exposições nacionais e internacionais, são oferecidos cursos e programas culturais, como shows e palestras. Clique aqui e veja três exposições online, com fotos e vídeos sobre fotógrafos de rua, cinema paulista e mais, e outros itens de acervo.

O museu também preparou a campanha #MISemcasa, com vídeos na íntegra de palestras e bate papos especiais que já aconteceram no museu. Tem palestra do Amyr Klink, um dos maiores velejadores do mundo, e do Martin Parr, grande nome da fotografia contemporânea. Confira ainda um bate-papo com o artista holandês Erwin Olaf, os fotógrafos Sandro Miller e Mauricio Lima, único brasileiro ganhador do Pulitzer, e o cineasta Fernando Meirelles. Veja a programação completa aqui.

Pinacoteca de São Paulo

Dedicado à produção artística brasileira, do século XIX até os dias atuais, a Pinacoteca de São Paulo é o museu de artes mais antigo da cidade, fundado em 1905. Cerca de 11 mil peças dão vida ao museu, feitas por artistas nacionais renomados, como Anita Malfatti, Candido Portinari e Lygia Clark. 

Sinta-se na Pinacoteca com o tour virtual pelas corredores, podendo apreciar com calma cada obra. Tem ainda mais de 500 itens para observar minuciosamente. Tudo isso pela versão virtual do museu.

Museu do Amanhã

Fugindo do conceito de que todos os museus são sobre o passado, o Museu do Amanhã, no Rio de Janeiro, tem uma perspectiva futurista, e traz perspectivas para os próximos 50 anos. Ele é um museu de ciência aplicada, que aborda nas exposições questões de sustentabilidade e convivência. Todas as ferramentas são bem-vindas para instigar questionamentos sobre o que seremos, como videoinstalações, telas interativas e muito mais.

No virtual, o museu possui cinco exposições, que abordam de rios em extinção à beleza oculta da matemática. Mais de mil itens de coleções diversas também podem ser analisados na versão online. 

Museu Oscar Niemeyer (MON)

Em Curitiba, no Para, com arquitetura singular e 35 mil m², o Museu Oscar Niemeyer, MON, é uma homenagem ao reconhecido arquiteto brasileiro. Inaugurado em 2002 e com mais de 20 mostras anuais, seu acervo reúne cerca de 7 mil obras das áreas de artes visuais, arquitetura e design de nomes importantes como Tarsila do Amaral, Cândido Portinari e, claro, Oscar Niemeyer. 

Conheça a versão virtual do museu, clicando aqui. São seis exposições de diferentes temas, que contam a história dos deuses e das sociedades asiáticas, analisam a diferença entre luz e matéria, e mais. Além disso, conta com mais de 50 coleções, com pinturas, esculturas e objetos de diversos estados brasileiros e de outros países, como Japão e Índia. 

The Metropolitan Museum of Art (MET)

Na emblemática Nova York, mais de 5 mil anos de arte do mundo todo estão no The Metropolitan Museum of Art. Considerado um dos maiores e melhores museus de arte do planeta, abriga mais de 2 milhões de esculturas, pinturas e peças.

Em sua experiência digital é possível passear pelos corredores do museu e conferir 26 exposições online. Além disso, o The Metropolitan possui materiais em diferentes mídias para conhecer mais sobre seu acervo, veja aqui. É possível ouvir audioguias, ver vídeo sobre conservação de obras, ler artigos escritos pelo staff do museu e mais. Tem também o MET Kids, portal feito especialmente para as crianças.

Veja um guia do Mag pelos pontos turísticos de cinema de NY

National Gallery of Art 

Estabelecida em 1937, a National Gallery of Art foi projetada em estilo clássico e é cercada por jardins com esculturas. Enquanto não é possível visitá-la e conhecer seu acervo, que tal conferir a versão digital do museu? A galeria abriga objetos e coleções artísticas de renome mundial da Corcoran Gallery of Art. Mais de 350 xilogravuras estão presentes no museu – o maior número fora da Europa.

Para se aprofundar ainda mais nas obras do museu sem sair de casa, o site oficial disponibiliza gravações em áudio e vídeo de palestras de artistas e curadores, jogos infantis de colagem, pintura, etc., e muito mais. 

The Louvre

Quem nunca sonhou em ver a Mona Lisa e sentir aquela emoção de conhecer de perto a obra mais famosa de Leonardo da Vinci? Esse é um dos motivos pelo qual mais de oito milhões de pessoas visitam o Louvre anualmente. Cenário para o clipe de “Apeshit”, de Beyoncé e Jay-Z, o museu em Paris exibe mais de 35 mil obras em imponentes 60 mil m².

Para visitar as exposições virtuais, é preciso apenas baixar o Adobe Flash Player. Depois disso, encante-se com antiguidades egípcias, veja o lado medieval do Louvre e a Galerie d’Apollon clicando aqui, na versão virtual do museu.

Conheça seis apps de idiomas para se preparar para a próxima viagem

Pinacoteca di Brera

No Pallazo di Brera, junto à Biblioteca de Brera, ao Observatório de Astronomia e outros espaços, a Pinacoteca de Brera é um dos maiores museus da Itália. Boa parte das obras vieram de igrejas e conventos destruídos na época napoleônica. Localizado no centro histórico de Milão, é pontos turísticos clássicos do destino.

Desfrute do clima clássico do museu com um tour virtual, e veja sem pressa as obras, seja passeando pelos corredores ou com a ajuda de um mapa. 

Museo Nacional del Prado  

Projetado pelo arquiteto Juan de Villanueva, o Museo Nacional del Prado está em Madri, Espanha. Em 2019, o espaço comemorou seu bicentenário, com uma exposição refletindo a história da construção – que iniciou a mostra com 311 pinturas de autores espanhóis. Desde então, o museu soma mais de 2.300 obras de artes, diversas esculturas, gravuras, desenhos e peças decorativas. 

Para entreter as famílias durante a quarentena, é possível participar de um jogo online desenvolvido para que as crianças possam explorar as exposições e aprender de forma lúdica e divertida. Os mais velhos também possuem excelentes materiais, com a biblioteca digital e cursos. Explore também algumas coleções do museu virtual clicando aqui.


Aproveite a quarentena para explorar as exposições virtuais de museus nacionais e internacionais, e se inspirar para as próximas viagens. Confira no site do Zarpo os hotéis com datas viajar no segundo semestre e em 2021!

Home - Slider 1
Hellen Cerqueira

Em busca de aventuras, suas viagens são para conhecer novas culturas e experimentar comidas típicas e bebidas artesanais. Na dúvida, as praias são sempre sua escolha preferida!

Escreva um comentário