Roteiro com Atrações Imperdíveis para Curtir no Uruguai

Localizado entre o Brasil e a Argentina, o Uruguai é um dos principais destinos para visitar na América do Sul. Entre as atrações espalhadas pelos 176 km² de seu território, os destaques ficam por conta dos monumentos centenários, das cidades históricas e dos museus. O país também é ideal para aproveitar ao ar livre nas praias e nos parques arborizados, em meio a temperaturas que variam dos 38ºC no verão para o frio abaixo de zero durante o inverno. Partindo da capital Montevidéu e seguindo por regiões como Canelones, Punta del Este e Colônia do Sacramento, os viajantes encontram paisagens encantadoras e um povo hospitaleiro. Confira no roteiro do Mag!

Descubra hospedagens com tarifas especiais para o Uruguai

Conheça a charmosa Montevidéu

Montevidéu

Um dos destinos mais visitados no Uruguai, a capital Montevidéu é também a cidade mais populosa do país, com 1,5 milhões de habitantes. Logo de cara os viajantes são surpreendidos pelas ruas que carregam o contraste dos casarões de arquitetura neoclássica com edifícios modernos. O roteiro para aproveitar as belezas da maior metrópole do Uruguai começa pelo Centro Histórico com diversas opções de atividades culturais, além dos passeios e shows de tango. Depois o viajante parte para bairros famosos como Ciudad Vieja, com seus prédios clássicos e tradições dos anos 60, Punta Carretas e Pocitos, onde os destaques são os shoppings e restaurantes, e a região de Buceo, com passeios na marina e animados bares para curtir o happy hour.

Monumentos históricos e museus da capital uruguaia

Museo Histórico Nacional - UruguaiFulviusbsas/Public Domain

Na visita a capital do Uruguai a parada no Museo Histórico Nacional é obrigatória.  Ideal para conhecer a história do país, o espaço conta com exposições repletas de objetos e pinturas que fizeram parte do desenvolvimento nacional. Com obras divididas em um conjunto de casas localizadas na histórica Ciudad Vieja, as atrações começam na sede principal Rivera, o casarão construído no começo do XIX, um verdadeiro símbolo cultural com livros, documentos e coleções arqueológicas. Já a casa Montero abriga pinturas, móveis e trajes da época romântica uruguaia, enquanto a casa Garibaldi, residência do general e revolucionário Giuseppe Garibaldi e sua família, preserva retratos, esculturas e peças que contam um pouco da história do “herói de dois mundos”.

25 de Mayo, 434 – Ciudad Vieja | Tel.: (+598) 2915 – 5361 | Site

Ótima opção de passeio em Montevidéu, o Museu de Artes Decorativas – Palacio Taranco era a antiga residência da tradicional família uruguaia Ortiz de Taranco e teve sua construção projetada por renomados arquitetos franceses e concluída no início dos anos 1900. O palacete foi doado por familiares ao governo em 1943 e aberto para que o público pudesse conhecer o acervo de mais de 2 mil peças de cerâmicas e objetos de bronze greco-romanos dos séculos XII a.C e II d. C. Além disso, os turistas também podem visitar as salas de piano, hall de entrada e salões com uma coleção europeia de móveis, pinturas, esculturas e tapeçarias de quase 300 anos.

25 de Mayo, 397 – Ciudad Vieja | Tel.: (+598) 2915 – 1101 | Site

Considerada uma das melhores opções culturais em Montevidéu, o Espacio de Arte Contemporáneo é o único do Uruguai dedicado a arte moderna. As atrações começam pela história do antigo presídio de Miguelete, a construção onde está instalado. A instituição decidiu manter os pavilhões originais da penitenciária a fim de  aproveitar os cenários que mesclam liberdade, proibições e criatividade para separar as produções e obras das oficinas, palestras, mostras, exposições e muito mais!

Arenal Grande, 1929 | Tel.: (+598) 2929 – 2066 | Site

Construções históricas e atividades a céu aberto para curtir na Capital

Parque Rodó - UruguaiFelipe Restrepo Acosta/CC BY-SA 

Bastante frequentado pelos uruguaios, o Parque Rodó é excelente opção de passeio para curtir com toda a família. O espaço oferece atividades ao ar livre para adultos e crianças e conta com parque de diversões, Museu de Artes Visuais, biblioteca infantil, anfiteatro e exposição de fotos da história do Uruguai. Para completar, o parque também conta com quadras esportivas e lago artificial para passeios de pedalinho e, aos domingos, uma famosa feira de artesanato. A pausa para renovar as energias fica por conta dos restaurantes e lanchonetes do local.

Av. Julio Herrera y Reissig

Um dos principais pontos turísticos de Montevidéu, a Praça Independência foi inaugurada em 1840 e é um dos símbolos históricos mais importantes da liberdade do Uruguai. No local, cercado por construções de arquitetura neoclássica espanhola, os turistas encontram uma fortaleza erguida pelos colonizadores para defender o território contra invasões de portugueses e ingleses, além do túmulo do general e “herói nacional” José Gervasio Artigas, com um monumento equestre representando a luta do militar pela emancipação do país.

Plaza Independencia – Ciudad Vieja

Palácio Salvo - Uruguai

Em frente a Praça da Independência, o Palácio Salvo foi projetado a pedido da família de imigrantes italianos que dá nome ao palacete a fim de deixar um ícone arquitetônico como agradecimento pela recepção em Montevidéu. Planejada entre 1923 e 1928, a construção abriga uma das torres mais altas da América do Sul. A partir das visitas guiadas, é possível conhecer as salas comerciais, apartamentos e clube de bilhar, além da sede da rádio nacional. Durante o passeio, os guias narram fatos e contos curiosos da família, como a trágica morte de José Salvo, assassinado pela ganância do genro. O tour termina no terraço localizado no topo dos 105 m de altura e 27 andares do edifício, com vista panorâmica para a Plaza Independencia, Rio de La Plata e Avenida 18 de Julio.

Plaza Independencia, 848 – Ciudad Vieja

Completando o passeio pelos edifícios históricos na Ciudad Vieja, o Teatro Solís, além de cartão postal de Montevidéu, é a casa de espetáculos mais antiga do Uruguai. Inaugurado em 1856, o local conta com arquitetura neoclássica inspirada em grandes teatros italianos, como o Scala de Milão, e dispõe de visitas guiadas comandadas por atores, nas quais os turistas podem conhecer camarotes, coxias e ainda curiosas histórias por trás do palco. Durante todo o ano o teatro conta com programação de apresentações e concertos de ópera, música clássica, musicais e peças teatrais.

Buenos Aires, s/n  – Ciudad Vieja  | Tel.: (+598) 1950 – 3323 | Site

Delícias gastronômicas em Montevidéu

Restaurantes em Montevideu - La CommediaImagem ilustrativa

Um pedaço da Itália em Montevidéu! Assim é conhecido o La Commedia, um  restaurante do tranquilo bairro de Pocitos, que une o sabor da massas italianas com as irresistíveis carnes grelhadas da culinária nacional. Para acompanhar, há entradas e sobremesas que podem ser apreciadas com diversas opções de vinhos do Uruguai e de outros países. O ambiente também é fascinante, proporcionando contato com a natureza em espaços arborizados com mesas ao ar livre, além da privacidade em áreas VIP da casa.

El Viejo Pancho, 2414 – Pocitos | Tel.: (+598) 2706 – 8655 | Site

Localizado junto ao Teatro Solís, o sofisticado Rara Avis faz parte do complexo cultural da Ciudad Vieja e chama a atenção por seus três ambientes divididos nos salões Rouge, Prelúdio e Chivas Bar, cada um com diferentes temáticas, menu executivo, mesas à céu aberto, salas privativas, cômodos rústicos e shows ao vivo. A cozinha comandada pelo Chef Fernando Pereyra serve pratos de culinárias da França e da Itália, preparados à base de peixes, carnes nobres, massas, risotos e mariscos. Para beber, são mais de 500 rótulos de vinhos expostos nas duas adegas do restaurante.

Buenos Aires, 652 – Ciudad Vieja | Tel.: (+598) 2915 – 0330 | Site

Entre os clássicos de Montevidéu, o Bar Tabaré foi construído em 1919 e funcionava como um antigo armazém. Nos dias atuais, mantém conservado seu  mobiliário de madeira original da época e objetos como placas, livros, garrafas, cartazes e até máquina registradora. Separado em três ambientes, o salão do térreo, o mezanino e o porão com pub e música ao vivo, o restaurante oferece carnes grelhadas, massas caseiras e frutos do mar. As refeições podem ser acompanhadas por drinks ou vinhos de rótulos próprios da casa, como Bar Tabaré Roble Tannat e Tannat 2014.

José Luis Zorrilla de San Martín, 154 – Punta Carretas | Tel.: (+598) 2712 – 3242 | Site

Compras em Montevidéu

Feira Tristán Narvaja - UruguaiJorge Gobbi/Flickr CC-BY

Ideal para quem busca por objetos antigos, a Feira Tristán Narvaja é a mais tradicional e famosa da Uruguai e, por isso, o passeio por ela é parada obrigatória na viagem ao país. Com um pouco de tudo, a feira acontece todos os domingos em frente ao Parque Rodó, com produtos que vão desde livros, cd´s, discos de vinil, fitas cassetes, roupas, móveis e eletrodomésticos até comidas, legumes e, ainda, bichos de estimação.

Dr. Tristán Narvaja, 1545 – Cordón

Considerado um dos grandes pontos turísticos de Montevidéu, o tradicional Mercado del Puerto foi inaugurado em 1868 e possui arquitetura de traços europeu, incluindo um relógio inglês de mais de 100 anos, que remete a antigas estações ferroviárias. No local, além de encontrar restaurantes com parrillada de churrasco grelhado e vinhos nacionais e internacionais, os turistas também se deparam com lojas de frutas, legumes, doces, artesanato, roupas, tapeçarias, cerâmicas, aromatizadores e muito mais!

Piedras, 237 – Ciudad Vieja | Tel.: (+598) 2916 – 8410 | Site

Shopping Punta Carretas - UruguaiImagem ilustrativa

Instalado no prédio onde funcionava um antigo presídio na região, o Shopping Punta Carretas está entre os centros comerciais mais procurados pelos turistas. O local é excelente para passeios e compras em lojas de marcas conhecidas no mundo inteiro, entre elas Zara, Adidas, Nike, Puma, Gap, Lacoste e Mac.

José Ellauri, 350 – Punta Carretas | Tel.: (+598) 2711 – 6940 | Site

Principal avenida de Montevidéu, a 18 de Julio se estende da Praça da Independência até o Parque Batle, ligando o histórico bairro Ciudad Vieja com o centro da cidade. O nome da via remete ao dia em que foi assinada a primeira Constituição do Uruguai como república, e nela também está monumento comemorativo “Los Constituyentes”, uma homenagem para os escritores das leis do país. Além da história, o passeio também reserva compras nas inúmeras lojas de artesanato, peças de decoração, roupas, calçados, eletrônicos e mates.

Av. 18 de Julio – Ciudad Vieja/Centro – Montevidéu

A animada vida noturna em Montevidéu

Bar Fun Fun - Uruguai

Perfeito para quem não abre mão da agitação noturna, o Bar Fun Fun é tradicional no Uruguai. Inaugurada em 1895, a casa localizada próximo ao Teatro Solís, na Ciudad Vieja, está entre as mais antigas de Montevidéu. Atualmente com 123 anos, o boteco continua garantindo entretenimento em seu ambiente retrô, repleto de objetos da cultura nacional como quadros, fotos antigas, camisetas de times e cartazes. Além disso, quem visita o local pode curtir as apresentações de música e tango ao vivo e apreciar o Uvita, um licor de vinho que é exclusividade do bar.

Soriano, 922 – Ciudad Vieja | Tel.: (+598) 2904 – 4859 | Site

No bairro de Pocitos, o Gallagher´s Pub tem decoração inspirada nos tradicionais pubs irlandeses e anima o happy hour com a exibição de jogos esportivos e o clássico rock da europa. No cardápio, hambúrgueres, fritas e petiscos são acompanhados de cervejas artesanais, drinks, chopps e whiskys. A casa tem fila de espera, por isso, é preciso chegar cedo ou reservar lugar antes.

Manuel Vicente Pagola, 3233 – Pocitos | Tel.: (+598) 2706 – 7891 | Site

Aberto ao público externo, o Casino Victoria Plaza faz parte da hospedagem da rede Radisson instalada na histórica Ciudad Vieja, em Montevidéu. Com inúmeras atrações, o cassino dispõe de jogos de azar como blackjack, máquinas de bingo e caça níqueis, além de mesas de carteado, roleta e poker. O local ainda conta com espetáculos noturnos, bares, drinks exclusivos e muito mais!

Colonia, 759 – Ciudad Vieja | Tel.: (+598) 2902 – 2155 | Site

Os balneários de Punta del Este e Punta del Diablo

Punta del Este - Uruguai

Na província de Maldonado, a 120 km de Montevidéu, Punta del Este é ótima para quem não abre mão da curtição à beira-mar. Localizado na ponta entre o Oceano Atlântico e o Rio da Prata, é um dos balneários mais luxuosos da América do Sul. Entre suas atrações, estão restaurantes, bares, cassinos e galerias. A movimentada orla também possui cartões-postais que são marcas registradas da viagem, como o Monumento Los Dedos, com sua escultura de dedos saindo da areia, e o Farol de Punta del Este, com vista panorâmica para os quatro cantos da cidade. Outra atração imperdível é a Casapueblo, uma antiga residência de verão do artista plástico e escultor uruguaio Carlos Páez Vilaró, que demorou 36 anos para ser construída e chama a atenção pela arquitetura que pode ser comparada a um castelo nas margens do Mediterrâneo. O local atualmente divide o espaço entre a hospedagem e o museu com as obras do proprietário.

Veja mais sobre Punta del Este no roteiro do Mag

Mais afastada e simples que Punta del Este, a estrutura de Punta del Diablo faz com que o pequeno povoado seja um dos mais conhecidos no Departamento de Rocha, a quase 300 km de Montevidéu. Apelidada pelos jornais locais como “Rainha da Noite”, a vila abriga os melhores bailes e agitos de rua do Uruguai. A animação começa com o famoso “esquenta” nos pubs da avenida central Los Pescadores, onde dá para curtir shows com música ao vivo, drinks e cervejas artesanais, e continua nas casas noturnas. Durante o dia, as praias de la Viuda, del Rivero e los Pescadores se destacam entre os viajantes. Com mar de águas frias e fortes ondas, elas são excelentes para prática de surf e outros esportes aquáticos.

Passeios em Colônia do Sacramento e Carmelo

Colônia do Sacramento

A cerca de 2h de Montevidéu, Colônia do Sacramento é considerada a cidade mais antiga do Uruguai e proporciona uma verdadeira viagem no tempo. Fundada em 1680 por portugueses, a região já foi palco de grandes batalhas com a Espanha e, por isso, os passeios reservam inúmeras atrações culturais. Para começar, os viajantes podem passear pelo Portão da Cidadela, com muros levantados para proteger a cidade de antigos invasores, assim como caminhar pelas ruas do Centro Histórico, tombado como Patrimônio Mundial pela Unesco e cercado por construções de arquitetura colonial. Nele está a Calle de los Suspiros, a rua mais famosa do destino e por onde passavam os escravos antes de serem mortos. Para completar, a parada no Farol é obrigatória! Com mais de 150 anos e 34 m de altura, ele está instalado junto às ruínas do Convento San Francisco e privilegia os turistas com vista panorâmica para toda a cidade.

Saiba mais sobre Colônia do Sacramento no roteiro do Mag

Apenas 90 km separam Colônia do Sacramento da charmosa Carmelo, fundada em 1816 pelo “herói nacional” José Artigas e tombada como Patrimônio da Humanidade pela Unesco. Banhada pelo Rio da Prata, a cidade já foi citada como “Toscana em Miniatura” pela guru das viagens do The New York Times. Refúgio romântico, a região proporciona passeios de barco pelos canais do rio e belas orlas, onde é comum encontrar iates e amantes de esportes náuticos. O lazer continua na ponte giratória Las Vacas, localizada no curso de água do Rio da Prata e com içamento feito por tração humana. Já em terra firme, as caminhadas pelas ruas de paralelepídeos, campos, casas rústicas, armazéns, ruínas Calera de Las Huérfanas e a Estância Narbona garantem o entretenimento. Além disso, o destino também reserva visita a famosos vinhedos, onde é possível desfrutar de piqueniques para degustar vinhos e queijos produzidos em vinícolas como Família Irurtia, El Legado, Narbona e a Cordano Almacén de la Capilla, a mais antiga da região.

Belas Vinícolas em Canelones

Vinícolas em CanelonesImagem ilustrativa

A 30 km e a menos de 1h da capital Montevidéu, Canelones, além de ser a segunda região mais populosa do Uruguai, é também o principal departamento vinícola do país. Responsável por 60% da produção de vinhos uruguaios, a província oferece atrações do enoturismo com destaque para tradições,  sabores e aromas das melhores “bodegas” nacionais. A mais famosa é a Bouza. Com visita guiada pela colheita e produção dos vinhos brancos e tintos, a casa oferece degustação dos produtos e serve as bebidas diariamente no restaurante próprio. Muito além das vinícolas, também dá para desfrutar de mais de 65 km de orlas, perfeitas para praticar esportes náuticos e relaxar enquanto aprecia o belo pôr do sol uruguaio.



Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *